sexta-feira, 24 de julho de 2009

FRATURAS COMINUTIVAS DA DIÁFISE PROXIMAL DO FÊMUR



As fraturas cominutivas da diáfise femoral em pacientes jovens constituem um grande problema observado na maioria dos serviços de saúde nos últimos anos, provavelmente conseqüência dos avanços tecnológicos nos meios de transporte e aumento das vítimas por arma de fogo.Quando falamos nesse tipo de fratura em idosos observa-se, além ata taxa de mortalidade, a necessidade de cuidados médicos intensivos e reabilitação funcional por longos períodos. Para o ano de 2050, a Organização Mundial de Saúde prevê uma incidência anual de 6,26 milhões de fraturas. O

tratamento de escolha para a maioria das fraturas é o cirúrgico, excetuando-se os casos onde o paciente apresenta co-morbidades que contra-indiquem a cirurgia, tornando-se mandatório o tratamento conservador. Este último também é indicado em algumas fraturas incompletas ou sem desvio. O objetivo do tratamento é prevenir a progressão da incapacidade funcional e restaurar a função do membro semelhante ao momento pré-fratura.


Meu caso: Paciente 27 anos, vítima de atropelamento por moto, sendo socorrida pelo SAMU (onde o médico da equipe alinhou o membro) e transferida para unidade hospitalar. Após realizado o protocolo para pacientes politraumatizados o MID foi colocado em tração esquelética (4kg) e foram realizados exames pré-operatórios.No dia seguinte foi realizada a cirurgia por especialista em quadril onde foi introduzida haste intramedular bloqueada (interlocking nail) e 3 parafusos. Durante a cirurgia houve diminuição brusca da hemoglobina, sendo necessária hemotransfusão; o que ocorreu também quatro dias depois. A alta hospitalar ocorreu uma semana após a entrada no hospital. A fisioterapia foi realizada desde a fase hospitalar, com o objetivo de evitar as complicações tromboembólicas e pulmonares, manter amplitude de movimento e prevenir deformidades e posturas viciosas. (No dia seguinte foi realizada a deambulação com andador/muletas axilares sem descarga de peso do MID, porém com apoio proprioceptivo). Após a alta hospitalar foram ainda introduzidos exercícios visando o ganho de força muscular, diminuição a dor, aumento/manutenção da amplitude de movimento. (Utilizou-se caneleira de 2Kg no membro sadio e 1Kg no afetado na flexo-extensão de joelho e flexâo quadril) Além de exercícios sensoriais, metabólicos e alongamentos. Quase um mês após a cirurgia, através de controle radiológico foi observado o correto alinhamento da haste e sinais de calcificação nos focos de fratura. Foi liberado apoio parcial em membro afetado (10kg). Nesse mesmo tempo de cirurgia não há mais edema, os pontos e cicatrizes encontram-se em excelente grau de cicatrização e a equimose encontra-se quase imperceptível. Ainda há parestesia em face medial da coxa, dor a algumas amplitudes e diminuição da amplitude para flexão de joelho (130º) e abdução de quadril (presença de osssificação heterotópica – em uso de medicação para conter o avanço.)

OBS: Mandar dúvidas por email pois estou com problemas em receber os comentários no blog.
Manuela Belo Franco Bárbara

FAVOR DEIXAR EMAIL PARA QUE AS PERGUNTAS SEJAM RESPONDIDAS. NO MOMENTO O BLOG ESTÁ COM PROBLEMAS PARA VISUALIZAR OS COMENTÁRIOS.
Fisioterapeuta pós-graduada em fisioterapia geriátrica pela FCMMG
Instrutora de pilates

Atendimento em Maceió- AL
Clínica Carlos Franco (82-33241350) e em domicílio (82-93146422)

302 comentários:

  1. tive fratura diafase (femur) coloquei placa e parafusos ,ja faz 40 dias e ainda tenho dor(toleravel) sinto estralos , e normal?voltarei a ter uma vida nolmal?

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  4. etbm sinto estralos na perna é normal?

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  6. Esse não é um local para brincadeiras nem ofensas!!!
    É normal (comum) sentir esses estalidos...

    ResponderExcluir
  7. Ola Manuela, sou fisioterapeuta também e estrou tratando de um paciente que está com uns 40 dias de pós operatório.. está com ótimo ganho de amplitude de movimento e ininiando melhora da força muscular da perna operada.. queria que me esclarecece quando posso iniciar treino de propriocepção com esse paciente, com balancim, disco, etc. e quando pode transferir peso total no membro operado. obrigada.

    ResponderExcluir
  8. Olá Paula,
    Não só pode como deve!! A propriocepção deve ser tratada desde o início. No entanto sugiro que inicies com exercícios proprioceptivos mais simples para qque o paciente não corra o risco de cair, já que há perda de força.
    Descarga total de peso só quando autorizada pelo cirurgião e de acordo com o controle radiogáfico. Cada paciente evolui de uma maneira.
    Seu paciente também está om haste intramedular?
    Se o médico liberou descarga parcial vc pode começar com 10% do peso dele (use uma balança).
    Boa sorte!!

    ResponderExcluir
  9. Sofrir um acidente de moto, tive fratura total do femur,coloquei um placa e 14 parafusos,já faz 5 meses e ainda nao to seguro em andar sem as muletas, até caminho um pouco mas estou mancado meu medico disse pra não andar muito e ter paciencia é normal mancar?

    ResponderExcluir
  10. Ë normal sim!! Vc pode fazer exercícios para fortalecimento muscular.
    Você ainda manca pela fraqueza muscular.
    O comprimento das pernas ficou igual???

    ResponderExcluir
  11. Obrigado pela resposta! ficou isometrico ou seja igual,tomar calcio ajuda na recuperação,e tomar refrigerante atrapalha a calcificação?

    ResponderExcluir
  12. Olá Kleber, não precisa tomar suplementação alguma. Procure ter uma dieta equilibrada. Leite e derivados, vegetais verde-escuros, sardinha... são alimentos ricos em Cálcio. mas não precisa ficar exagerando.
    E refrigerante não atrapalha!!
    O fato de pisar (andar) ajuda bastante, viu?! Desde que já liberado por seu médico.
    Boa sorte!!

    ResponderExcluir
  13. Ola,tive fratura do femur num acidente de carro grave,onde fiquei em coma pois tive embolia pulmonar,coloquei dois ilizarovs,mas minha perna encurtou em cerca de 5 cm,coloquei um fixador externo linear e alonguei e alinhei a perna,minha flexão do joelho com o fixador limitou se muito,sera que vou conseguir flexionar o joelho em pelo menos 120 graus quando tirar o fixador?

    ResponderExcluir
  14. Olá Marcel,
    Relmente há muita limitação quando é necessário o illizarov.
    Quando vc retirá-lo vai precisar de muito exercício.
    90 graus de flexão de joelho já te dá uma marcha adequada.
    Você deve posteriormente usar uma palmilha para igualar seus membros.
    Tenha calma! Não fique se preocupando com isso agora. Pensemos primeiro na calcificação.
    Boa sorte!

    ResponderExcluir
  15. Olá manu,meu medico liberou a marcha com auxilio da fisioterapeuta estou fazendo exercicios de flexionar o joelho com tornozeleiras e uma bola daquelas grandes de academia so estou me sentindo cansado e as vezes não faço todos os exercicios,quando termino meu joelho e quadril estão doloridos e normal ou sera que estou ultrpasando os limites?

    ResponderExcluir
  16. Olá Kleber, esse cansaço é devido ao descondicionamento físico, o que é perfeitamente compreensível pelo tempo de repouso. Logo logo seu organismo se adapta.
    Um ligeiro desconforto ao término da sessão é normal, mas não deve durar muito tempo.
    Geralmente a dor é na musculatura.
    Continue firme!

    ResponderExcluir
  17. ola sofri um acidente omde tive uma lesão no femur fiz a cirurgia e coloquei uma aste dentro do meu osso apos 2 meses de cirurgia consigo andar com auxilio de uma muleta so q ate hj não iniciei a fisioterapia e alem do mais sinto muitos estralos no joelho estes estralos é normal???? e pela demora a iniciar a fisio devo procurar outro medico???

    ResponderExcluir
  18. Cada médico tem uma conduta e eu respeito isso, apesar de achar que, principalmente no primeiro mês, a fisioterapia é necessária em QUASE todos os casos.
    Que bom que vc já anda com uma muleta. Isso só vai ajudá-lo na consolidação e ganho de força. Assim que ele te liberar da muleta, é comum vc mancar um pouco devido a fraqueza muscular, que pode ser revertida com exercícios e pelas próprias atividades do dia a dia ( andar, subir escada, levantar-se de uma cadeira...).
    É comum essa sensação de estalos. Não se preocupe. Além do "estalo" vc sente algo mais?
    Não aconselho trocar de médico.
    Bos sorte!

    ResponderExcluir
  19. cai da escada e tive faturas no femur nao cansig0 dobra o joeiha tenho medo da fisioterapeia todos dizem que e muito dolorosa e verdade

    ResponderExcluir
  20. fis cirurgia o medico colocou uma placa e parafusos estou de cama.nao dobro o joelho e assim que eu tirar os pontos vou fazer fisioterapia por isso quero meito sabre a ficiterapia para me preparar.tenho 26 anos;

    ResponderExcluir
  21. Olá Ruty,

    O médico já liberou para você pisar?
    Como você usou placa e não a haste, demora um pouquinho mais pra pisar.
    Desde que não haja problemas sistêmicos que justifiquem, o paciente não deve ficar acamado. O mesmo deve der encorajado a sentar logo no primeiro dia e, assim que possível ficar em pé e posteriormente fazer apoio gradual de peso.
    A fisioterapia não necessita ser insuportável. Não existe mais isso de ficar empurrando a todo custo a perna do paciente, pois isso provoca uma resposta contrária ao músculo.
    Um certo incômodo nos primeiros dias é tolerável mas nada que vc não suporte.
    Nos primeiros dias, o objetivo é o controle da dor, edema e evitar complicações. Em seguida vão sendo introduzidos exercícios e manobras e treino de marcha para ganhar arco de movimento e força muscular.
    Bos sorte!
    Estou disponível para esclarecimentos.

    ResponderExcluir
  22. MInha mae esta sentindo estalos na perna, ela fez cirurgia de femur a 08 meses, ontem ao fazer caminhada a perna começou a doer e depois esses estalos, o que pode ser? É normal esses estalos nas proteses?Ou melhor esses estalos vem da protese ou dos ossos? ( cirurgia color de femur)

    ResponderExcluir
  23. Olá,
    A depender do tipo de prótese pode ocorrer um ruído ao caminhar, o que chamamos de (squeaking). Normalmente não há dor.
    Outros pacientes referem sentirem mesmo um "estalo" de vez em quando.
    Pelo que você relatou não deve ser nada de maior gravidade. Aguarde e se continuar com dor procure seu médico.
    O ruído é pelo contato entre prótese e osso.
    Vc sabe o tipo de prótese que ela colocou??

    ResponderExcluir
  24. olá. fui operado do femur com haste de 10 x 40 mais não foi colocado nenhum parafuso ou pino, so a haste. tenho 21 dias hoje de operado.ja ando de moletas! tem algum problema ou ajuda na consolidação por estimular? tambe´m na minha rescente radiografia, além de não ter pinos nem parafusos, na cabeça do femur, a haste ficou passando cerca de 3 a 4 cm , causando um grande desconforto quando sento.esse processo existe?

    ResponderExcluir
  25. também sinto muitos estalos onde quebrou, e no joelho. to achando que talvez seja por causa da haste esta sem nada para fixar no osso.será?

    ResponderExcluir
  26. Se seu médico liberou para fazer apoio parcial (andar de muletas sem colocar o peso todo do corpo), isso ajudará muito na calcificação. É muito importante!
    Esse desconforto ocorre algumas vezes mesmo. Vc vai retirá-la futuramente, não é?
    Não creio que esse "estalo" seja por causa disso. Muitos pacientes referem isso mas não há uma causa aparente.
    Boa sorte!

    ResponderExcluir
  27. obrigado pêla resposta! sim vou retirar a haste em 6 meses.meu médico me falou que tenho qua andar com moletas e fazer um certo peso na perna para estimular a consolidação. estava comedo pois achava que forçando iria piorar, ou seja, demorar na consolidação.para conseguir dobrar a parte da tibia e joelho, so com axercicios? ou em repouso e andando de moletas os ligamentos e articulações aos poucos vão dobrando?

    ResponderExcluir
  28. a 22 dias estou de cama meu medico so me liberou para fazer fisioterapia depois do raio x que sera daqui a15 dias.nao consigu dobra o joelho mem posso pisar,pois quebrei o femur.voi colocado parafusos e placa.gostaria de saber se posso temtar dobra o joelho ou pode prejudicar.

    ResponderExcluir
  29. A protese de minha mae é da cabeça do femur, (protese total do femur), fomos ao medico e ele tirou raio x e a cirurgia estava ok, mas os estalos continuam, ela esta sentindo um pouco de dor qdo anda, está fazendo fisioterapia, dai pergunto esses estalos sao normais, a cirurgia dela tem 9 meses q fez...

    ResponderExcluir
  30. Quanto à pisar isso depende de cada médico. Há alguns tipos de cirurgia que a marcha já é liberada.
    Esses "estalos" são normais, sim! A dor pode ser pela frazqueza muscular.
    Em quase todos os casos é muito importante que se dobre o joelho precocemente. Acredito que vc possa sim dobrar o joelho, mas seria imprudente se falasse isso sem te ver. Se informe com se médico.
    Boa sorte!

    ResponderExcluir
  31. Fraturei o femur! coloquei uma haste intramedular com 2 parafusos. qual o tempo para calcificaçao? operei tem cerca de 45 dias.

    ResponderExcluir
  32. Minha mae colocou protese cimentada de cabeça de femur e de acordo com raio X esta tudo ok, mas ouvimos depois de 8 meses uns estalos bem alto, isso é normal?

    ResponderExcluir
  33. Isso é comum sim. Dá uma lida nas respostas anteriores.

    ResponderExcluir
  34. porque nao esta mais raspondendo?

    ResponderExcluir
  35. Estou com problemas para logar, então está saindo como anônimo!!
    MANUELA BELO FRANCO

    ResponderExcluir
  36. Ola manuela,ja estou andando sem muletas pondo carga total na perna a cerca de 3 meses,consegui dobrar o joelho ja em 90 graus,estou fazendo caminhadas de 30 minnutos mesmeo com o fixador,mas as vezes sinto uma dorzinha chata no lado direito na região dos quadris,é normal isso,valeu pela força!

    ResponderExcluir
  37. Manuela Belo Franco30 de junho de 2011 16:24

    Olá MARCEL,
    É normal sim. Não se preocupe. Muito boa a sua evolução. Fico feliz!!!
    Não estou conseguindo logar>
    MANUELA

    ResponderExcluir
  38. Meu nome é Tatiany, no dia 08/02/2011 sofri um acidente de moto e fraturei o femur e tive um corte muito profundo no joelho da perna esquerda, que foi suturado e no femur passei por cirurgia 7 dias depois, foi colocado uma placa com 10 parafusos. Inicie a fisioterapia 3 meses depois da cirurgia, mas agora estou com muita dificuldades para andar e a minha perna esta visivelmente torta, do joelho para baixo, não tenho firmeza para andar, a perna que ficou muito torta pode ser erro medico?

    ResponderExcluir
  39. Manuela Belo Franco5 de julho de 2011 12:14

    Você fez RX da perna? Foi só o corte ou teve fratura?
    Não se pode afirmar nada sem conhecer o caso!

    ResponderExcluir
  40. Olá Manuela, obrigado por sua atenção...

    No joelho não ouve fratura, mas o corte foi bem profundo, ja repeti rx 3x e não deu nenhuma fratura. Minha recuperação qto a voltar os movimentos foi bem rapida com 30 dias de cirurgia ja conseguia mexer a perna normalmente, mas so agora que inicie a fisioterapia que foi notado que a perna esta torta, queria saber se isso pode estar acontecendo por conta do corte do joelho ou pela cirurgia, eu ja tive 4 retornos medicos e ate hj o medico não me pediu para ficar de pé e analisar a perna, ele só olha a cicatriz e mais nada.
    Agradecida pela atenção,
    Tatiany

    ResponderExcluir
  41. Manuela Belo Franco6 de julho de 2011 18:49

    Tendo em vista o que você contou, não acredito que isso tenha a ver com o corte ou cirurgia no fêmur. De qualquer forma fale para o seu médico sobre sua impressão. Pede para ele analisar.
    O que seu fisioterapeuta acha?

    ResponderExcluir
  42. oi manuela eu ja estou dobrando a perna em 90 graus, ja faz 90 dias da cirurgia de femur e o medico me liberou para andar de moletas colocando o peso pacial do corpo,mais eu comecei sentir uma dozinha de lado do joelho e normal .obrigada por me ajudar

    ResponderExcluir
  43. Manuela Belo Franco9 de julho de 2011 18:54

    Olá Ruty,
    É normal sim!!Isso tudo é pela inatividade. mas logo passará. Vc vai ver!!
    Boa sorte!!

    ResponderExcluir
  44. Matheus Fernandes15 de julho de 2011 16:30

    Olá Manuela !
    Fraturei a diáfise do femur em 5 partes coloquei placa e 5 parafusos, gostaria de saber quanto tempo depois da cirurgia consiguirei ter amplitude total do joelho? nao sei se estou atrasado ou adiantado na recuperação? estou muito ancioso para retornar ....

    ResponderExcluir
  45. MANUELA BELO FRANCO16 de julho de 2011 16:51

    Olá Matheus,
    Há quanto tempo vc fez sua cirurgia? Quantos graus vc está de flexão?
    O retorno da amplitude total varia muito de pessoa para pessoa e do tipo de cirurgia.
    Boa sorte!

    ResponderExcluir
  46. Matheus Fernandes17 de julho de 2011 09:16

    Manuela, devo estar flexionando uns 30 graus, depois de 12 dias da cirurgia, tenho receio de forçar o joelho, pois sinto muitas dores.Que tipo de exercicio e com que frequencia posso repetir eles.

    obrigado

    ResponderExcluir
  47. olááá manuela , fiz uma cirurgia de fêmur coloquei placa e 14 parafusos e estava a 5 meses em recuperaçao , porém a placa quebrou e eu refiz a cirurgia colocando novamente uma placa só que mais grossa e resistente ,estou me sentindo mais seguro só queria saber por que a placa quebrou no meio os medicos falam q foi falha da placa mais sabe como é né agente desconfia , e tem 2 meses q refiz a cirurgia é mais rapído a recuperaçao devida a placa ser mais grossa ?

    ResponderExcluir
  48. meu nome é Robson luiz sou de praia grande .

    olááá manuela , fiz uma cirurgia de fêmur coloquei placa e 14 parafusos e estava a 5 meses em recuperaçao , porém a placa quebrou e eu refiz a cirurgia colocando novamente uma placa só que mais grossa e resistente ,estou me sentindo mais seguro só queria saber por que a placa quebrou no meio os medicos falam q foi falha da placa mais sabe como é né agente desconfia , e tem 2 meses q refiz a cirurgia é mais rapído a recuperaçao devida a placa ser mais grossa ?

    ResponderExcluir
  49. MANUELA BELO FRANCO18 de julho de 2011 17:12

    MATHEUS,
    12 dias está bem recente. Você ainda deve ter edema, não é? Seu médico já liberou para andar com muletas? Na cirurgia com placa, os médicos costumam demorar a liberar a descarga de peso. RESPEITE A ORIENTAÇÃO DELE e faça sempre o controle radiológico.
    Os exercícios podem e devem ser feitos todos os dias. Procure não ficar o tempo todo com o joelho esticado. Fique sentado, deixe a gravidade abaixar o joelho e movimente-o sempre. No mais, tenha calma!! Boa sorte!

    ResponderExcluir
  50. MANUELA BELO FRANCO18 de julho de 2011 17:18

    ROBSON,
    A espessura da placa não interfere, à princípio, na recuperação.
    Esses incidentes infelizmente ocorrem e não há como prevê-los. Concentre-se na sua recuperação.
    Seu médico já liberou para vc andar com muletas? Aconselho que vc faça isso de forma bem gradual, sempre acompanhando a formaçà do calo ósseo.
    Boa sorte!!

    ResponderExcluir
  51. bom dia?
    fiz uma cirugia no femur tive fratura na diafise do femur 26 dias to acamada ainda sinto dores na perna e na bacia não sei qual foram os procedimentos da cirugia mas leanto bem pouco a perna o que eu gostaria de saber quanto tempo depois da cirugia posso estar dobrando o joelho sinto dores ao me movimentar da cama e não consegui retornar ao médico ainda estou com gesso no tornozelo,no braço esquerdo no direito enfim acidente de carro e eu salvei meu marido faleceu obgd pela atenção

    ResponderExcluir
  52. MANUELA BELO FRANCO28 de julho de 2011 17:40

    Se seu quadril e joelhos estão normais; sem fratura ou luxação, você pode começar a dobrar o joelho o quanto antes.
    Como vc teve politraumatismos, é normal sentir dor. Vc só fez cirurgia no fêmur? Está com fixador ou colocou placa/haste?
    A lesão do tornozelo vai restringir alguns exercícios mas não fique muito tempo com o joelho esticado.
    Boa sorte na recuperação! Me mantenha informada! Deus te proteja!
    beijos

    ResponderExcluir
  53. BOM DIA? meu nome é MARGARETE FIZ A CIRUGIA NO DIA 11/07 NO FEMUR MAS TENHO UMA PEQUENA CIRUGIA NO JOELHO NA MESMA PERNA NÃO SEI QUANTAS PLACAS COLOCARÃO MAS SÓ FOI POR DENTRO DA COXA NADA POR FORA COMO EU HAVIDA DITO AINDA NÃO SEI OS PROCEDIMENTOS MÉDICOS POIS AINDA NÃO RETORNEI A CONSULTA PÓS CIRUGIA,A CIRUGIA FOI NA PERNA DIREITA E O TORNOZELO QUEBRADO SEM CIRUGIA SÓ GESSO NA PERNA ESQUERDA , NÃO TENHO CIRUGIA NO QUADRIL MAS DOI MUITO SÓ DO LADO DIREITO,AGRADEÇO POR TER RESPONDIDO VOU EXERCITAR UM POUCO O JOELHO MAS DÓI MUITO É NORMAL? OBRIGADO FIQUE COM DEUS!

    ResponderExcluir
  54. bom dia doutoura meu caso especifico foi outro , mas como estou desesperado queria tirar uma duvida, sofrir fratura patelar, fiz cirurgia e usei imobilizador,que ja tirei e meu joelho não dobra mesmo forçando , isso na fisioterapia resolve???/

    ResponderExcluir
  55. MANUELA BELO FRANCO30 de julho de 2011 18:21

    FRED, você ficou quanto tempo com o imobilizádor? Ele ficava travado em extensão o tempo todo?

    ResponderExcluir
  56. olá bom dia, fiquei 35 dias, sim fiquei com o imobilizador com a perna reta o tempo todo mas eu caminhava com muleta , depois dos 30 dias fiquei preoculpado e comecei a força a bobra do joelho ja ta dobrando uns 50 graus e não doi pra dobrar muito só ta travado, dr manuela será q consigo dobrar o restante da minha perna quando me liberarem pra fisioterapia?... pois ñ sei muita coisa sobre fisioterapia quais são os procedimentos e aparelhos que se utiliza ,pois tbm nunca fiz fisioterapia em minha vida pra nada, minha fratura de patela foi na pontinha dela e foi colocado um fio ao redor dela toda pra unir as partes , as vezes acho que é por causa desse fio que ñ consigo dobrar pois repuxa muito na parte superior e inferior do tendão da patela, Dr estou muito agradecido pela sua resposta .

    ResponderExcluir
  57. Então Dr pergunto é normal depois de cirurgia patelar o joelho ficar assim rigido pra dobrar , e quais as chances dele ddobrar mais de 90 graus, lhe pergunto pq ñ tenho muito contato com meu medico ortopedista quando fui nas revisões até hj ele ñ deixou claro muita coisa .

    ResponderExcluir
  58. MANUELA BELO FRANCO1 de agosto de 2011 19:16

    FRED, é comum sim o joelho ficar um pouco rígido após tanto tempo de imobilização. Fica difíci falar especificamente do seu caso pois não o avaliei. No entanto, acredito que vc tem todas as chances de dobrar seu joelho mais de 90 graus. Quanto à fisioterapia acho muito importante vc fazê-la. OBS: Os exercícios e manobras são muito mais importantes do que qualquer aparelho!!
    Boa sorte!

    ResponderExcluir
  59. BOM DIA DR MANOELA? ESTOU AGUARDANDO RESPOSTA DA POSTAGEM DO DIA 28/07 E DO DIA 29/07 OBRIGADO PELA ATENÇÃO MARGARETE

    ResponderExcluir
  60. Obrigado , muito obrigado mesmo ... Dr pela atenção ´a Sr não sabe o quanto isto me conforta , pois só de ver meu joelho duro sem dobrar , cai por terra muita angustia e medo fico feliz pelos seus esclarecimentos ! Vou fazer uma cirugia amanhã pra retirada do fio na patela já pra começar a fisio , fique com Deus.

    ResponderExcluir
  61. MANUELA BELO FRANCO2 de agosto de 2011 17:56

    FRED,
    Boa sorte! Quero saber dos resultados.

    ResponderExcluir
  62. MANUELA BELO FRANCO2 de agosto de 2011 18:07

    MARGARETE,
    Já respondì a postagem dia dia 28/07. As outras perguntas sã impossíveis de responder sem vê-la.

    ResponderExcluir
  63. olá dr fiz a cirurgia de retirada do fio da patela foi bem graça a Deus , mesmo com os pontos estou dobrando a perna uns 90 graus , vou começar a fisioterapia amanhã , o joelho ainda ta inchado, Dr pareçe bem dificil passar dos 90 graus , sera porque algumas pessoas falam de uma tal fibrose o que é isto,como acabar com ela?

    ResponderExcluir
  64. Olá Dr. Manuela, já tirei algumas duvidas com voçê outra vez.Bom fiz uma cirurgia no femur , fraturei em 5 partes, tenho uma placa e 11 parafusos, minha cirurgia foi no dia 4 de julho, mas meu médico disse que o controle radiológico só será feito depois de 90 dias da cirurgia, é normal esperar tanto tempo assim ? ele disse que com os exercicios que faço em casa de flexão /extensão do joelho já são suficientes, não precisando de fisioterapia no momento, é mesmo ?
    Obrigado Dr.

    ResponderExcluir
  65. MANUELA BELO FRANCO11 de agosto de 2011 18:46

    MATHEUS,
    Cada médico tem uma conduta. Acredito que ele deu esse tempo para poder ver a calcificação. Se o tempo fosse menor daria para ver muito pouco.
    Quanto à fisioterapia também é uma questão individual. O impottante é que vc faça exercícios em casa conforme orientado.
    Boa sorte!

    ResponderExcluir
  66. Olá dr estou aqui de novo para postar minha noticias de novo , olha fiz a segunda cirurgia e com certeza o fio atrapalhava mesmo eu passar dos 90 graus pois ele passava ao redor da patela e por dentro do tendão patelar inferior e superior pra ele ñ se soltar ,ja tirei os pontos da segunda cirurgia dodro uns 120 graus em 10 sessões de fisio, o joelho continua inchado e dolorido, ando ainda com uma muleta pois sem ela força muito o joelho ao caminhar inchando bastante , subo escada colocando a perna boa primeiro,pois se colocar a fraca o joelho doi criando uma pressão , minha cicatriz esta atrapalhando um pouco a minha dobra pois ela aderiu um pouco, a senhora sabe algo que seja bom ???? para soltar ????, o corte da minha segunda cirurgia foi um pouco menor eu pedir ao medico q que caprichasse e foi bem rapido coisa de 20 minutos aí 4 dias depois comecei a fisioterapia, qdo aplico gelo melhora pra caramba e até chega a dobrara um pouquinho mais ,é isso aí com muita dor e tendo uns grauzinhos a mais a cada dia vamos chegando lá para poder aprender a andar pela segunda vez em nossa vida , fique com Deus e abraço

    ResponderExcluir
  67. Olá Fred, fico feliz com seu progresso!
    Existe uma aderância na cicatriz e há umas manobras para ajudar a liberá-la. Peça para seu fisio fazer.
    Gelo é ótimo: além de diminuir o processo inflamatório e o edema, ainda ajuda a amenizar a dor. Pode aplicá-lo sem medo!
    Boa sorte, sempre!!

    ResponderExcluir
  68. ola dra.manuela sou ruty,que ja te fez umas perguntas.fui liberada para andar sem moletas,mais estou mancando muita e normal.o que fazer?

    ResponderExcluir
  69. Olá Ruty,
    Dei uma olhada no seu caso. É normal sim mancar no início. Isso ocorre pela fraqueza da musculatura, principalmente do glúteo máximo. Vc pode continuar andando pois além de fortalecer essa musculatura, ajuda na formação do calo ósseo. Pode também trabalhar especificamente a musculatura do quadril.
    Boa sorte!

    ResponderExcluir
  70. Olá Dr Manuela , boa noite!Olha eu aqui outra vez, vir contar sobre minha recuperação como anda.Após 2 meses e 9 dias da primeira cirurgia e 26 dias da segunda cirurgia para retirada do fio , já fiz 15 sessões de fisioterapia dobro já graças a Deus uns 135 graus meu joelho , a cicatriz continua atrapalhando um pouquinho a dobrar mais ,o joelho continua dolorido como sempre , a perna continua fraca , sem muto equilibrio pra caminhar e quandotento andar sem muleta, cria-se uma forte pressão em meu joelho isso é normal ?? ... e logo ele incha , quando ando parace q a articulação esta enferrujada , perdir muita massa muscular em minha perna acho q é por isso e na fisioterapia ñ estou trabalhando muito ainda a parte de fortalecimento muscular são mais exercicios para tentar dobrar a perna e diminuir o edema do joelho, enfim esta é minha evolução nesses 69 dias, Dr espero que minha recuperação esteja dentro do normal , abraço .

    ResponderExcluir
  71. Sua recuperação está excelente!! Essa dor/pressão que vc refere é normal. À medida que a musculatura estiver se fortalecendo isso vai desaparecendo.
    Você já pode fazer exercícios de força desde que os mesmos não causem dor.
    Fico feliz com seu progresso!

    ResponderExcluir
  72. Ola meu nome é Erick , sofri um acidente de moto na qual sofri fratura exposta do femu ( 1 palmo acima do joelho ) botei 11 parafusos e 1 placaa .. ja fazem 35 dias de operado .. fui 1 vez só ao medico retira pontos dpois marcaram pra volta so dpois de 2 meses ! na qual nao mandaram eu começa fisioterapia , so falo pra dobra o joelho de vez em quando .. ja dobro o joelho , ja ando de muleta , ja apoio o peso do corpo na perna fraturada .. 10% parcial... Voce nao acha que estou atrasado ? tenho 20 anos

    ResponderExcluir
  73. Olá Erick, não está atrasado não. Quando é usada haste intramedular é um pouco mais rápido. Mas com placa e parafuso da forma que vc me falou. Só sugiro que vc comece a fazer algum exercício para minimizar a perda muscular ( a perna às vezes fica um pouquinho mais fina, mas depois volta).Você pode ficar deitado e levantar a perna com o joelho esticado. Não precisa levantar muito alto. Faça 3 séries de 10 repetições. Depois, na fisioterapia, vc fará outros.
    Bos sorte!

    ResponderExcluir
  74. Erick Lopes ,

    Manu , uma outra duvidaa .. Nao me disseram se minha perna fico mas curta que a outra .. eu estou achando que ta normal , teria como eu perceber isso ? como fazer ? Estou sentido que to recuperando boa parte da força , pois fiz o exercicio no qual me recomendouu , e nao me senti fraco .. consegui realizar perfeitamente sem dores algo do tipo . Muito Obrigado

    ResponderExcluir
  75. Erick Lopes,
    Que bom que realizaste sem problemas. Se for ficando fácil vc pode colocar uma caneleira de 0,5Kg e ir aumentando aos poucos. E tb pode ir demorando mais tempo com a perna levantada.
    Algumas vezes a perna fica um pouco menor ou maior. O médico pode examiná-lo e constatar isso (manobra de Galeazzi), mas para a medida ser quantificada e fiel há um exame conhecido como Escanometria.
    Mas se vc acha que está normal, relaxa!
    Boa recuperação!
    Me mantenha informada, ok?

    ResponderExcluir
  76. Erick Lopes ,

    Oi manu , estou pra dizer que estou conseguindo dobra o joelhoo todo ja , estou experimentando outras posiçoes também , estou fazendo bastante alogamento sinto que recuperei quase toda minha movimentaçao com a perna operada .. faço borboletaa .. minha unica duvida é se estou me precipitandoo .. pois a minha unica restriçao é nao pizar no chaoo com 100% do peso ... posso continua com a movimentaçao com a perna operada ?
    Obs : nao sinto dores alguma , e os estalos na perna ja pararam também .

    Muitoo obrigadoo .

    ResponderExcluir
  77. Olá Erick,
    Pode fazer sim. Está perfeito. E continue a respeitar restrição de não fazer apoio total de peso na perna operada. Isso se dá aos poucos e de acordo com a consolidaçao/formação do calo ósseo(RX).
    Boa sorte!

    ResponderExcluir
  78. Erick Lopes ,

    Manu , hoje quando estava saindo do banheiro aconteceu oque mas temiaa ... a muletaa escorrego e eu perdi o equilibriooo e pizer com perna operadaaa , larguei bastante o peso nela .. mas como instintooo tirei o peso e me joguei no chaoo caii sentadoo .. nao sentii dor alguma .. mas fiquei em shock no chaoo .. dpois me ajudaram a levanta .. nao sentir dores e minha perna nao ta enchada .. mas estou sentindo uns estalos na coxaa ( nao estava sentindo antes ) .. estou desesperadoo ... estou com medo da placa ter rompidoo .. minha duvida é se eu sentiria algum sintoma .. caso a placa quebre ou se rompaa ..

    Muitoo obrigadoo Dra. Manuuu .

    ResponderExcluir
  79. gilson
    ola sofri um acidente de moto ja tem 5 meses fraturei a tibia eo femur da perna direita estou usando fixador externo nas duas fraturas, meu joelho esta dobrando muito pouco,os fixadores podem estar atrapalhando a flexao do joelho e outros movimentos da perna?

    ResponderExcluir
  80. Olá Erick, pelo que vc relatou é muito pouco provável que tenhas quebrado a placa. Creio que esses "estalos" não tenham nada a ver com isso. De qualquer forma tenha muita cautela principalmente no banheiro ( que é onde ocorrem a mairia dos acidentes desse tipo).
    Observe. Se vc sentir dor, se houver edema ou alguma deformidade procure seu médico.

    ResponderExcluir
  81. Olá Gilson.
    Podem sim. Além do dano que a musculatura sofre em uma fratuta, há tb uma reação reflexa do mesmo. Onde foi sua fratura do fêmur? Vc sabe qual o tipo de fixador foi colocado?

    ResponderExcluir
  82. Gilson
    Olà Manuela tudo bem?fraturei a diafise do femur,estou usando fixador circular/semi circular com pino de shantz,isso ja faz 5 meses,nao pude colocar haste intramedular pois fraturei a tibia da mesma perna,o que nao deu para alinhar o femur novamente,sera que vou poder voltar a minha vida normal, trabalhar,etc? desculp nao responder antes

    ResponderExcluir
  83. Olá Gilson,
    Claro que vai!! Tem tudo para isso. Vá fazendo o controle radiológico com seu médico pra ver a consolidação óssea.
    Cada caso é um caso e há algumas complicações que podem aparecer (infecçao, pseudoartrose, consolidação viciosa). Não sei se vc apresentou alguma(s) delas ma de qualquer forma tudo isso tem tratamento.
    Boa sorte!!

    ResponderExcluir
  84. Olá Manuela, tenho uma placa e 11 parafusos no meu fêmur, como ja te relatei outra vez, meu médico me liberou descarga parcial do membro ainda com o uso de muletas, mas estou com a sensação que minha perna esta mais curta que a outra, ou será que é só a sensação? e tenho muito receio de entortar ou quebrar a placa, isso é possivel? e como saberei se a placa entortou ? a perna vai inchar ? ira doer muito ?
    se puder me ajudar agradeço
    Obrigado

    ResponderExcluir
  85. OLÁ DR MANUELA TUDO BEM? OLHA EU AQUI OUTRA VEZ !VIM AQUI CONTAR DE MINHAS EVOLUÇÕES , ESTOU COM 3 MESES E 13 DIAS DA MINHA CIRURGIA DA FRATURA DE PATELAR, JÁ CAMINHO NORMAL SEM MULETAS ,SUBO LADEIRAS E ESCADAS BEM, E PRA DESCER AINDA TENHO UM POUCO DE TRABALHO MAS DESÇO , AGORA O QUE MAIS ME CHATEIA E ESTAR ME DEIXANDO PREOCULPADO É O INCHAÇO QUE PERSISTE EM Ñ IR EMBORA , QUANDO COLOCO GELO FICA LEGAL ,MAS BASTA FICAR UM TEMPO EM PÉ OU CAMINHAR POR ALGUM TEMPO QUE VOLTA A INCHAR,JÁ DESINCHOU UM BOCADO DIGA DE PASSAGEM MAS NÃO TOTALMENTE. DR TEVE UM COLEGA DE FISIOTERAPIA QUE ME DEU UMA INFORMAÇÃO TERRÍVEL PARA MIM DIZENDO QUE O MÉDICO DELE DISSE QUE O INCHAÇO NÃO SOME NUNCA , DR ISTO É VERDADE ??? NUNCA O JOELHO DE QUEM TEVE UMA FRATURA PATELAR FICAR NORMAL DESINCHADO ??? POR FAVOR DR ME DIGA QUE ISSO NÃO É VERDADE , POIS SENÃO NUNCA PODEREI TRABALHAR PORQUE A MINHA PROFISSÃO EXIGE MUITO DE MEU FISICO, SE NÃO FOSSE POR ESSE INCHAÇO ESTARIA NESTA ALTURA DE MINHA RECUPERAÇÃO MUITO BEM, APLICO GELO TODOS O DIAS UMAS 5 VEZES AO DIA , ENTÃO DR MANUELA ESTE INCHAÇO SAI COM O TEMPO OU NUNCA SAIRAR????

    ResponderExcluir
  86. Boa noite Drª e amigos!
    Minha mae fez pela segunda vez a cirurgia de femur ( artroplastia parcial), se recuperou muito bem, o medico liberou as fisioterapias porque já anda com o andador, mas venho notando que os joelhos e coxas estão inchados e ela se queixa muito de uma dorzinha atrás do joelho e os pés estão esquentando, é perigoso isso? Estou apavorada porque tenho muito medo de ser trombose. Ela fez cirurgia em julho/2011.

    ResponderExcluir
  87. Olá Matheus,
    Vamos às repostas:
    1- Vc pode estar com a sensação da perna estar mais curta pela fraqueza muscular, que faz com que vc "manque". Mas isso realmente pode acontecer em algumas cirurgias, no entanto na maioria das vezes é quase imperceptível.
    2- A placa pode "entortar" e quebrar sim. Por isso o médico vai liberando a carga aos poucos. Mas se vc seguir as orientações, não haverá problema.
    3- Caso a placa quebre, vc saberá!! Há dor, edema, pode haver abaulamentos... Mas tire isso da cabeça. Isso não vai acontecer!!
    Boa sorte!

    ResponderExcluir
  88. NUSANET,
    Pode ser sim ou outro evento circulatório. A cirurgia por si só, a medicação e o repouso prolongado, predispoem a eventos tromboembólicos.
    Mas não se apavore. Sugiro que procures um angiologista para tirar essa dúvida!
    Boa sorte!
    Me mantenha informada!

    ResponderExcluir
  89. Olá Fred,
    Vc está evoluindo muito bem!! Não se preocupe! E nunca ouvi isso do edema persistir!!
    Boa sorte!

    ResponderExcluir
  90. GAbi...
    olá DRa...
    Tem um amigo de 55 a que fraturou o femur, logo acima do joelho em varios pedaços, usou tração e fez cirurgia, colocou plca e 10 parafusuos.( isso faz mais ou menos1 mes e meio) ja fez 10 sessões de fisio,e ja consegue flexionar 55 grau o joelho...Mas o joelho e muito rigido e ao fazer o movimento ele sente um pouco de dor acima do do joelho.Pode forças bem a perna p tras flexionando um pouco forçado este joelho? não vai ter problema qnt a fratura?e com qnt tempo pode fazer descarga de peso ...ainda ele nao fez nen um tipo d edescarga de peso.
    E normal qnd estiver fazendo o mov de flexão no joelho estalar? ate quando posso força esta perna p trás? E em relaç a aparelho o que poderia ser usado neste caso e onde?
    Ah doutora e depois da cirurgia apareceu logo a baixo do joelho uns 3 dedos um carocinho como se fosse de massa...será que e o tendão que teve agum lesionamento? ele sente dor neste caroço...0
    obg por tirar as duvidas

    ResponderExcluir
  91. Olá Gabi,
    A flexão do joelho realmente fica comprometida, mas isso volta. Pode forçar um pouco esta flexão, mas não precisa ser exagerado pois pode causar uma contração reflexa da musculatura e impedir mais ainda o movimento. Esse movimento não causa probemas à fratura. Há algumas técnicas de mobilizacão que facilitam o movimento mas isso só deve ser feito pelo fisioterapeuta. Pode pedir para seu amigo ir dobrando o joelho e forçando aos poucos.
    Não sei a que se refere esse "estalo". Pode não representar nada mas não posso afirmar sem vê-lo.
    Quanto à esse carocinho pode ser um cisto sinovial mas tb não posso afirmar sem ver. Não creio que seja lesão ou algo mais sério.
    A descarga de peso deve ser feita a partir da liberação médica e de acordo com o RX. Ela é progressiva e ajuda muito na formação do calo ósseo.
    Espero tê-la ajudado!

    ResponderExcluir
  92. Gabi,
    Esqueci de falar sobra aparelhagem. Na minha prática clínica não costumo utilizar aparelhos nesses casos. Só exercícios e mobilizações.

    ResponderExcluir
  93. GAbi
    vc poderia me informas o nome dessa mobilizaçoes, so para me asseguram qnd ele estiver fazendo fisioterapia....
    e se o caroço for o cisto, o que fazer?cururgia? e o que pode ter causado este cisto?
    muito obrigada...........

    ResponderExcluir
  94. Olá Gabi, se for realmente o cisto não precisa, necessariamente, operar. Ele geralmente é causado por atividades repetitivas.
    Existem vários tipos de mobilizações e cada profissional escolhe a que julgar mais apropriada.

    ResponderExcluir
  95. Olá Dr Manuela bom dia , dr a atrofia muscular e perda de massa muscular são a mesma coisa? E em meu caso que tive uma fratura de patela minha perna ta mais fina que a outra o que faço pra voltar ao normal ? Se fizer musculação volta o que era antes ?

    ResponderExcluir
  96. Olá Fred,
    De modo geral sim. Vc não tem atrofia e sim hipotrofia muscular ( que é a diminuição da massa muscular). É comum essa perda de massa devido a inatividade física.
    E volta sim com a retomada as atividades normais. A musculação acelera esse retorno.

    ResponderExcluir
  97. Boa tarde Dr Manuela obrigado pela resposta e atenção .

    ResponderExcluir
  98. Gilson
    Olá dra.Manuela, minha fratura no femur esta demorando demais para consolidaçao total,poderia me indicar quais alimentos podem acelerar a calcificaçao óssea? desde já
    agradeço

    ResponderExcluir
  99. Olá Gilson, A consolidação TOTAL ocorre mais ou menos com um ano.
    Não há estudos que apontem a necessidade de uma ingesta maior ou menor de um determinado alimento. O que ocorre é a necessidade de porções adequadas de cálcio (igual a uma pessoa normal, sem fratura). Vc pode incluir na sua dieta, alimentos rico em cálcio ( como leite e derivados). Mas sem exageros!

    ResponderExcluir
  100. Ola Manuela, boa noite
    Meu nome eh Paulo, acabei de sofrer uma fratura no femur (um carro bateu em minha moto, o femur quebrou ao meio, nao teve fratura esposta), vou colocar a haste e 4 pinos (para fixa-la) entre amanha e quarta-feira. Falaram que preciso ficar de repouso por causa de embolia etc ... Estou com 5kg de tracao na perna. Gostaria de saber quais serao os proximos passos e mais ou menos o tempo de calcificacao, recuperaco etc (sei q cada caso eh um caso, mas estou aflito pq meu medico nao eh tao claro). A fisioterapia etc ... Seria legal comecar quando ?
    Muito Obrigado,
    Paulo.

    ResponderExcluir
  101. Olá

    O procedimento está adequado. Em relação à embolia, você com uma tração não teria como se movimentar tanto, não é?!
    Pelo que vc me falou vai colocar uma haste intramedular, que irá alinhar osso. A partir daí depende da conduta de cada médico.
    Normalmente, a fisioterapia se inicia no dia seguinte com movimentos na panturrilha para evitar trombose venosa profunda e orientações. E depois é feito o fortalecimento e treino funcional.
    À princípio vc não poderá pisar(vai usar muletas) mas a partir do controle radiológico, o médico vai orientando a descarga de peso e a retirada da muleta. Inicia-se com 10% do peso corporal e vai-se aumentando. Normalmente com 2/3 meses já se anda sem apoio.
    No início pode ser que vc "manque" um pouco mas depois do fortalecimento da musculatura, tudo voltará ao normal.
    Espero tê-lo ajudado!
    Boa sorte na cirurgia!!
    Me mantenha informada!

    ResponderExcluir
  102. Olá doutora como te escrevi antes estava com suspeita de a placa que tenho no fêmur ter entortado e quebrar, bom infelizmente foi isso que aconteceu, a doutora que fez a minha primeira cirurgia olhou e disse pra mim ir pra casa e esperar ela me ligar para fazer a cirurgia e disse que eu poderia continuar a andar de muletas só que sem apoiar o pé no chão, mas não tenho coragem sinto minha perna solta estou a duas semanas em casa já aguardando e ela ainda me deu remédios a base de calcio para tomar, será que é normal esperar tanto tempo assim para fazer nova cirurgia? o que devo fazer ? ela não fala nada, é complicado depender do SUS, ela só disse para esperar, e essa espera pode ocasionar outro problema na perna? obrigado

    ResponderExcluir
  103. Olá Matheus,
    Que pena o que ocorreu com sua placa!!
    Desde que o osso esteja alinhado não há problema em esperar, o que pode ocorrer é a perda de massa muscular pela inatividade.
    Não fique o tempo todo deitado e movimente a perna!!!!
    E quanto à espera devido ao SUS, infelizmente a demanda é muito grande e isso (não deveria)mas acaba ocorrendo.
    Onde vc mora?

    ResponderExcluir
  104. OLá dr Manuela bom dia, depois de 4 meses de cirurgia de fratura de paleta , estava com a recuperação super bem, flexionando todo joelho e o joelho desinchando legal, a perna ficando firme e ganhando massa através dos exercicios ,agora nestes dias atuais estou meio pra baixo , pois começei a sentir dores no outro joelho agora , dr é comum sentir outro joelho ? Será que é porque usei ele demais pra subir escadas , ladeiras , levantar ao estar sentado e deitado enquanto me recuperava do outro joelho da cirurgia?

    ResponderExcluir
  105. Olá doutora, obrigado por responder, moro em Osório/RS, só q não sei se meu osso tá alinhado, porque minha perna está mais curta que a outra e não tenho coragem de mexer a perna tenho medo de agravar, e meu joelho tá inchado e meu pé não fica reto quando estou deitado ele fica para fora, mas tenho esperança que essa semana eu seja chamado, obrigado. Um abraço.

    ResponderExcluir
  106. OLá Fred,
    Certamente essa dor é por causa da sobrecarga no outro joelho. Mas tende a desaparecer à medida que a carga volta a ser distribuída em ambos os joelhos. Observe que o joelho passou a trabalhar pelos dois, hein?!
    Bos sorte!

    ResponderExcluir
  107. Olá Matheus,
    Entendo o seu medo, mas não fique "IMOBILIZADO". E essa rotação para fora se dá pelo desequilíbrio muscular.
    Tomara que sejas logo chamado.
    Me mantenha informada, ok?!

    ResponderExcluir
  108. gilson
    olá dra.Manuela como tinha detalhado antes,estou a seis meses usando fixador no femur e na tibia direita ambos partiram ao meio,na ultima radiografia que fiz percebi que o femur esta colando uma ponta ao lado da outra e a ponta de baixo do femur subiu mais ou menos 1,5cm,o medico falou que vai colar normal so vai demorar um pouco mais,fiquei com medo de minha perna ficar torta ou dar problema no joelho ja que a parte debaixo do femur subiu,ele disse que nao faz mal colar assim porque na coxa nao da diferença por ter mais musculatura, aparentemente por fora nao da pra dizer que esta colando torto e nem que a perna esta mais curta, mais penso quando voltar a andar ter alguma diferença,vc na sua profissão ja viu algum caso assim doutora do femur estar colando deste jeito e o medico dizer que é normal? estou muito ansioso para tirar os fixadores e ver como vai ficar...

    ResponderExcluir
  109. Olá Dra. Manuela, sou Alexsandra tenho 26 anos e no dia 23/08 desse ano eu sofri um acidente de carro e fraturei o femur direito. Segundo o medico foi uma fratura cominutiva da diáfise do femur. Dois dias depois fui submetida a cirurgia e colocaram uma haste intramedular(interlocking) e 3 parafusos(1 proximo ao quadril e 2 acima do joelho). Assim que retirei os pontos comecei a fazer fisioterapia somente exercicios de reforço muscular sem descarga de peso. Essa semana voltei ao medico e segundo ele pela radiografia ainda nao posso começar a pisar. Desde que saí do hospital me locomovo com ajuda do andador mas sem colocar nenhum peso na perna fratura. Pelo que se percebe na radiografia apos 2 meses da cirurgia ha sinais de inicio de calcificação. O medico disse que tenho que ficar mais 2 meses sem pisar e marcou meu proximo retorno so para final de dezembro. Será que o tratamento está correto?

    ResponderExcluir
  110. Ola Dra. Manuela. Meu nome e' Denilson, e no dia 17-10 sofri um acidente de moto. Apos a colisao, ao cair ao chao, fiquei com a perna virada por aproximadamente 15min ate que o socorro medico a colocasse no lugar novamente. Isso pode ter afetado minha musculatura de alguma forma? Apos a cirurgia para inserco de haste intramedular, iniciei a fisioterapia ainda no hospital. Durante os primeiros 10 dias me foram passados alguns exercicios para eu fazer em casa. Nao sei se o medico ira prescrever acompanhamento em clinica. Devo pedir? Vc acredita que os exercicios que estou fazendo sozinho sao suficientes? Tenho conseguido elevar a perna, traciona-la, e dobra-la 90 graus, porem isso e' o maximo. Nao consigo puxar mais. E' normal? Voce consegue me dar uma nocao de prazo de recuperacao para uma pessoa com alto grau de vida esportiva (praticava tenis de 03 a 05 dias por semana). Sempre fiz muita esteira e step e bicicleta. Agradeco!

    ResponderExcluir
  111. Olá Gilson, não dá para falar sem ver seu RX. Mas há casos sim que o osso está "aparentemente torto" e não causa deformidade aparente.

    ResponderExcluir
  112. Alexsandra,
    Você foi tratada com o melhor método de fixação de fraturas. Quanto à pisar isso realmente depende de cada fratura, da forma de colocação da haste e da conduta individual do médico. Se seu médico viu seu RX e pediu para não pisar. sugiro que sigas o mesmo. Ele te operou e te acompanhou.
    Na minha prática clínica esse tempo para pisar é um pouco menor. Normalmente com 1 mês ou menos o paciente já inicia a descarga de peso( começamos normalmente com 10% do peso do paciente com o aval do médico).
    O fortalecimento que estas fazendo é excelente para o retorno às suas atividades.
    Bos sorte!

    ResponderExcluir
  113. Olá Denilson,
    Esse tempo com a perna rodada não irá interferir em nada. Nào se preocupe. Essa rotacão geralmente ocorre em fraturas no fêmur.
    Você está com a haste intramedular e isso reduz muito o tempo dareabilitação total, aliado ao fato da sua idade e seu nível de atividade física.
    Tens tudo para retornas às suas atividades muito rápido.
    Não sei que exercícios vc está realizando para dar alguma opinião. Se quiser pode me explicar melhor por email ( manuelabelo@yahoo.com.br).
    O joelho aos poucos vai voltando, por mais difícil que pareça nos primeiros dias. Continue a dobrá-lo.
    Seu médico liberou descarga de peso??
    Está usando muletas?
    Aguardo seu retorno

    ResponderExcluir
  114. Alexsandra,
    Será que o uso de muletas axilares não te traria mais independência?? Acho uma ótima opção.

    ResponderExcluir
  115. Olá Dr Manuela boa noite , olha eu aqui outra vez , vir contar sobre minha recuperação de fratura de patela como anda aos exatos 4 meses e 13 dias.Já dobro totalmente minha perna , ando super bem ,só tenho um pouco de dificuldade em descer escadas muito altas e ladeiras inclinadas demais , a perna já ta ganhando força e massa muscular , o joelho ja desinchou bem mas ñ totalmente e ainda não estar igual ao outro em relação ao formato ta um pouquinho maior ,ainda sinto umas dores principalmente quando fico sentado por muito tempo porque Dr Manuela ???

    ResponderExcluir
  116. Que notícias boas!!
    Essa dor ocorre porque é uma situação de estresse na articulacão (o joelho está dobrado).
    Sempre que precisar ficar muito tempo sentado, procure de vez em quando esticar o joelho e mexer o calcanhar para melhorar a circulação.
    Já já isso também desaparecerá.
    Boa sorte!

    ResponderExcluir
  117. Alexsandra
    Olá Dra. Manuela, muito obrigada pela atenção. Então, eu tambem acho que as muletas me dariam mais independencia
    mas meu fisioterapeuta disse que prefere que continue com o andador. Ele acha mais seguro. Acho que vou usá-las assim mesmo, pelo menos quando for sair de casa. O que vc acha?

    ResponderExcluir
  118. Olá Alexsandra,
    Não quero de forma alguma discordar do seu fisio, já que ele te acompanha. Mas na minha prática clínica (juntamente com o médico cirurgião) costumo prescrever muletas para pacientes jovens como vc.
    Só indico o andador quando o paciente e idoso ou quando há mais lesões. O mesmo dificulta muito a socialização. Com as muletas fica mais fácil vc ir a um restaurante, shopping...
    Se possível, peça ao seu fisio para te ensinar a usá-las. Há vários tipos de marcha. E lógico, tenha cuidado com degraus, chão molhado ou liso.
    Boa sorte!

    ResponderExcluir
  119. Alexandra
    Boa noite Dra. Manuela, obrigada pela atenção e orientações, vc está me ajudando muito. Vou seguir seus conselhos e volto a te informar sobre minha recuperação. Fica com Deus. Até breve...

    ResponderExcluir
  120. Vitor Amaral - Olá dr manuela fiz uma cirurgia no joelho esquerdo , e neste tempo de recuperação comecei a sentir uma dorzinha na patela no outro joelho ( o direito)acompanhado de uma ardência sera isto a condromalacia se for tem cura ??? Vir comentarios em outros sites que pessoas relatam ñ ter cura esta doença é verdade mesmo?

    ResponderExcluir
  121. Olá Vitor,
    Não creio que seu caso se trate de condromalácia. Mas ela tem cura, sim!!!
    O que provavelmente ocorreu é uma sobrecarga numa articulação que não estava preparada para isso.
    O que vc pode fazer é exercícios de força muscular no joelho, mas certamente essa dor desaparecerá à medida que vc começar a descarregar o peso igualmente.

    ResponderExcluir
  122. olá sou fisioterapeuta....me chamo júnior..
    Tenho um paciente que estou com ele a 2 meses 2 20 dias 3 faz mais ou menos 3 meses que ele fez a cirurgia ....Ele caiu de moto e fraturou o fêmur fratura cominutiva....primeiro ele fez o alinhamento osseo com uso de peso e tudo mais e depois realizou a cirurgia, foi colocado ao lado lateral placa e 10 parafusos, ele começo na fisio com 2 graus e hoje esta com 72 graus..só que agora ta sendo muito dificil consigar aumentar este grau, na hora que vou fazer a flexão do joelho forçada ele sente muita dor e ai nao posso exagerar não e verdade..na hora do movimento ele sente dor tanto em cima do joelho como em baixo do joelho... ja faço com ele descarga de peso, treino de marcha, so que ele ainda claudica ao andar, na hora do treino de marcha e durande o dia ele anda de muleta, e no espaldar peço p ele fazer cadeis cinetica fechada...já fizemos 26 seções de fisio...O que você acha disso tudo?....O que devo mudar? A recuperação ta sendo boa? é normal tudo o que te faleiw to com medo de nao consegui ultrapassar mais do que isso??? qual seria uma conduta de fisioterapia boa para este caso, tanto em eletroterapi e em cinesioterapia?? obg pela atenção espero que voce me ajude....

    ResponderExcluir
  123. oLÁ Júnior,
    Essa dor no joelho é muito comum. Por váris motivos: lesão muscukar, ação reflexa do quadríceps.
    Nào acho que deva ficar "lutando contra o quadríceps". Já vi fisioterapeutas quase pulando em cima do paciente pra fletir o joelho. Isso não funciona. Tem-se que alongar sim, mas sem traumatizar.
    Acho que seu tratamento está muito bom, só acrescentaria fortalecimento de glúteo médio e máximo visando ajudar na marcha. Vc tb pode alongar panturrilha antes de começar o tratamento pois isso ajuda na flexão do joelho.
    Vc usa caneleira no treino de marcha?? Acho ótimo utilizar.
    Quanto à eletroterapia, não usaria nada!!
    Só exercícios ativos. Até a flexão de joelho vc pode pedir para ele fazer.
    A claudicaçào melhorará quando ele largar a muleta.
    Espero tê-lo ajudado!

    ResponderExcluir
  124. Bom dia!

    Estou com uma duvida o medico passou comprimidos enorme de calcio para minha mae q term 85 anos, ela fez duas cirurgias de femur (colocou protese na cabeça do femur), esse calcio não vai fazer mal a ela? tomando direto? obrigada

    ResponderExcluir
  125. Olá meu nome é adriana,
    Sofri um acidente de moto e quebrei o femur esquerdo em dois lugares coloquei uma haste intramedular com dois parafusos um proximo ao joelho e outro perto do quadril ja fazem cinco meses e o ultimo raio X que terei o médico falou que há sinais de calcificação mas ainda não colou, mas liberou para andar sem muletas aos poucos. Porém não consigo andar sem muletas pois manco muito e as vezes sinto dor próximo ao quadril. Isso é normal? Faço fisioterapia 3 vezes na semana, exercício com caneleiras de 2Kg. Gostaria de saber se vou ficar assim mancado, ou se vou conseguir andar normal? Quando tempo leva para recuperação total? E quando estarei liberada para voltar minhas atividades normais como voltar a trabalhar? Por favor me der informações e algumas dicas de exercício. Agradeço desde já!

    ResponderExcluir
  126. Oi Adriana,

    A formação do calo ósseo numa fratura de fêmur não é tão rápida assim (exceto em bebês e crianças).Mas isso não quer dizer que voltarás às suas atividades somente após a total consolidação.
    O fato do seu médico ter liberado o uso de muletas e a descarga gradual de peso, ajuda muito na recuperação. O atrito induz a formação óssea.
    Você não vai ficar mancando. Isso ocorre porque perdeste massa muscular. Com os exercícios isso é recuperado.
    A liberação para as atividades depende muito de cada paciente. Falar em tempo é muito complicado: há pacientes que com 3 meses já voltam às atividades diárias, outros demoram 6, 7 e até 1 ano. Não tenha pressa!!
    Como vc está sendo acompanhada por uma fisioterapeuta, creio que ela pode te dar essas dicas mais especificamente, conhecendo melhor seu caso.
    Sugestões: Trabalhar quadríceps, isquios, adutores/abdutores, glúteos.
    Trabalhar em cadeia cinética fechada
    Treino funcional
    Treino de equilíbrio
    Boa sorte!!

    ResponderExcluir
  127. Olá NUSANET,
    Não creio que a ingesta de cálcio trará algum problema para sua mãe.

    ResponderExcluir
  128. Oi Manuela, Boa noite! Eu também sou fisioterapeuta e estava fazendo uma pesquisa na internet quando vi o seu site. Se vc puder me ajudar eu agradeço. É q estou atendendo uma senhora com 61 anos que sofreu uma fratura na diafise do femur há 3 meses,passou por uma cirurgia para colocação de aste e parafusos.O médico ainda não liberou para ficar em P.O., mas seus movimentos e força muscular já estão bem melhor.Mas a minha duvida é se eu posso fazer compressa de agua morna ao inves de crioterapia, pois essa minha paciente também tem osteoporose e eu li que nesse caso o ideal e calor. Desde já agradeço.

    ResponderExcluir
  129. Muito obrigada mesmo Manuela...
    Vou colocar caneleira nele na hora da marcha agora...colocando no pé com a lesão não é msm?
    Eu uso o infra vermelho nele p tentar soltar mais a aderencia...
    Ei outra duvida aqui , qnt a agua no joelho é melhor usar o gelo ou a agua quente na compressa?

    ResponderExcluir
  130. Olá Márcia,
    Não vejo benefício no uso da água morna.
    Quanto à crioterapia, depende muito de cada caso. Não costumo usá-la em casos de fratura de diáfise de fêmur.
    Não entendi a relação do frio/calor com a osteoporose.

    ResponderExcluir
  131. Olá Júnior,
    Isso mesmo!! A caneleira é do lado da lesão.
    Eu não usaria nem gelo nem calor no joelho. Só exercícios!!

    ResponderExcluir
  132. MEnina fiquei preocupada agora porque meu paciente esse msm que te tava falando da lesao do femur que ja faz 4 meses que fraturou o femur e hj ele me disse que o médico falou que a placa tinah saido do lugar e na ultima seção começei a fazer descarga de peso de uma perna só mas fiz apenas umas tres vezes e por alguns segundos, será que foi isso? e o medico agora mandou ele ficou em repouso com a perna p cima 120 dias..será que esta plca volta para o lugar...to extremammente preocupada...

    ResponderExcluir
  133. Olá Júnior,
    Não creio que foi sua descarga de peso que ocasionou isso. O médico já havia liberado a descarga de peso, não era? Vc viu o RX?
    Como vc já me falou na outra msg que estava fazendo descarga de peso eu imagino que já iniciou um processo de consolidação.
    Não entendi essa de ficar 120 dias com a perna para cima!!!
    De qualquer forma, isso é algo que pode ocorrer mesmo, independende da descarga de peso.
    OBS: Quando a cirurgia é com placa temos que ter mais cautela do que com haste intramedular!

    ResponderExcluir
  134. Ele havia liberado pra ele colocar o peso no chão c 2 meses...o ultimo Rx eu nao vi, mas c 2 meses da cirutgia eu vim um ainda nao tava consolidado mas ja estava consolidando....E agora sera que esta plca vai voltar novamente p o lugar...To muito preocupada. o medico falou que se nao voltar vai ter que fazer cirurgia p colocação novamente....Ele falou que este outro medico disse que nao era p fazer descarga d epeso nao....O que eu fiz foi manda ficar em pe por apenas 5 segundo apoiado em uma unica peran e apenas tres vezes...E agora o que devo fazer?ou dizer p ele...

    ResponderExcluir
  135. Entendo. Mas com dois meses se vê apenas um inicio da formação do calo ósseo. Uma consolidação TOTAL somente com +/- 1 ano.
    Essa questão de pisar ou não varia muito de médico para médico.
    Eu só inicio descarga de peso com o aval do médico cirurgião e com apenas 10% do peso corporal. A partir daí vou aumentando progressivamente a carga.
    Só faço apoio unipodal numa fase mais avançada.
    De qualquer forma eu não acredito que o apoio unipodal que vc fez tenha causado algo na placa.Quando ocorre algo, o mais comum é a quebra da placa e não o deslocamento. Nesse momento ele sentiu dor ou ouviu algum estalido??
    Essa placa pode ter se deslocado por outro motivo.
    Fique tranquilo! Explique que isso pode ocorrer. O médico deve ter falado isso antes da cirurgia. Não deixe ninguém te culpar e não se culpe!

    ResponderExcluir
  136. Pois é manuela...e o pior que to me culpado...Fui lá hj p ve-lo...Ele falou o seguinte que o medico dissse que nao era p eu ter mandado colocar o peso todo em uma perna e que a placa afastou um pouco do osso ficou tipo abaulada ele disse ao paciente que ficasse 60 dias sem fazer fisioterapia no final de janeiro fosse ao retorno p ver como estavae nao colocasse o pe no chão nesse 60 dias...ele nao sentiu nenhuma dor nem estalido nesta hora.ele apenas começou a sentir dor a noite e a fisioterapia foi de manhãai no outro dia ficou c edema...ai eu falei que isso poderia ocorrer poderia ate o parafuso esta c folga e enfim tentei explicar p ele.. o medico falou que se em janeiro ela nao voltar ao normal vai ter que fazer outra cirurgia. Ele falou que a placa amassou um pouco ficou tipo abaulada e um parafuso parece que quebrou....Enfim to muito triste com isso tudo...tb acho que era p ele ter sentido a dor na hora não e verdade? mas ele apenas veio sentir a noite...Será que esta placa volta ao normal?? manuela to tao preocupado

    ResponderExcluir
  137. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  138. DIEGO - ola!Dr pensei que talvez a senhora possa me esclarecer alguma duvidas a respeito da condromalacia, pois após muitas dores no joelho esquerdo, fui submetido a um exame de RNM o resultado foi o seguinte: condromalacia difusa grau 2 e bursite infrapatelar profunda. O meu medico me disse ser uma simples lesão e que não iria atrapalhar no meu trabalho( militar) e que eu deveria fazer reforço muscular e tomar medicamento a base de glicosamina e condroitina, fico meio perdido não sei mais no que acredito, pois a dor e muito forte e fico triste quando vou ao medico e ele nem se quer preocupa faço tratamento a 1 ano e a dor só piora, na 1º RNM tinha apenas sinais de impacto na cartilagem e após 1 ano condromalacia grau 2, pelos “meus” calculos mais 1 ano e estarei no grau 4 e depois artrose com apenas 23 anos de idade e o medico ainda diz que não tem problema eu correr em retas e andar de bicicleta, por favor me de uma resposta sobre isso se puder me mandar estudos a respeito ou relatos de pacientes , ficarei grato.

    ResponderExcluir
  139. Olá Diego,
    Dá uma olhada no post de Síndrome da dor patelofemoral.
    Vc fez o reforço muscular??
    O tratamento da condromalácia é composto de tratamento medicamentoso ( caso o médico veja necessidade) + fisioterapia + repouso relativo da articulção.
    A fisioterapia visa ao reequilibrio muscular com alinhamento da patela. Serão propostos exercícios de fortalecimento muscular ( principalmente do quadríceps), exercícios proprioceptivos e de correção de biomecânica.
    Além disso é muito importante a proteção da articulação durante o tratamento ( evitar correr, andar de bicicleta e de toda atividade que estresse o joelho).
    Alguns médicos prescevem medicamentos chamados de condroprotetores(como no seu caso), com o objetivo de recuperar/proteger a cartilagem.
    Gelo ou calor podem ser utilizados depedendo da conduta de cada profisional ( nesses casos eu prefiro gelo).
    Estou disponível para mais esclarecimentos.

    ResponderExcluir
  140. Beto Almeida - DR para quem tem bursite no joelho aplica a corrente russa ou ultra som na fisio???

    ResponderExcluir
  141. Ana verenna - Boa a Síndrome do Trato Iliotibial tcomo tratar tem cura , gostaria de umas dicas de exercicio ou sugestões.

    ResponderExcluir
  142. Olá Beto Almeida,
    Cada fisioterapeuta tem uma conduta. Eu faria ultrassom + gelo + exercícios + mudança comportamental

    ResponderExcluir
  143. Ana Verenna,
    Tem cura sim. Há alguns alongamentos. Me manda um email para manuelabelo@yahoo.com.br que te explico melhor.

    ResponderExcluir
  144. Oi Manuela, sou Adriana já relatei meu caso anteriormente. Obrigada pela resposta. Estou com outra dúvida, espero que vc possa me ajudar como ja falei fraturei o femur em dois lugares já fazem 6 meses e coloquei uma haste com dois parafusos bloqueaores, quando voltei agora ao médico apenas uma fratura formou o calo osseo e a outra fratura esta do mesmo jeito sem evolução meu médico falou que iria fazer uma nova cirugia para retirada de um dos parafusos bloqueadores da minha haste para ajudar na calsificação. Esse procedimento é correto.

    ResponderExcluir
  145. É sim. Vc deve estar com pseudoartrose, que se trata da não-consolidação óssea. Espero que dê tudo certo!

    ResponderExcluir
  146. Olá Manuela, não sei se você lembra de mim, tinha uma placa e 11 parafusos no meu fêmur, infelizmente a placa quebrou , porque eu estava com uma pseudoartrose, agora fiz nova cirurgia no dia 21/11, onde foi colocado uma haste intramedular e enxerto osséo. fiz raio- x e meu médico disse que já esta calcificando , está tudo otimo, só que estou com outros dois problemas principalmente nos pés, estou com fungo nas unhas e tambem tenho a sensação de o dorso dos meus pés estar queimados, muito sensiceis, meu medico me receitou amitril e disse que iria passar, mas nao passa é horrivel esta sensação, isso é normal ?? será que nao tive uma lesão no sistema nervoso? nos neuronios sensitivos? se puder me ajudar agradeço. Obrigado!

    ResponderExcluir
  147. Olá Matheus, lembro sim!!
    Que bom que está calcificando.
    Pelo que li e pela sua medicação você deve estar com Síndrome Dolorosa Regional Complexa ( leia postagem sobre isso aqui no blog. Estou disponível para qualquer esclarecimento.
    Boa sorte!!

    ResponderExcluir
  148. ola dra tudo bem? sei que essa pergunta nao tem muito haver com os comentarios mas creio que voce possa me responder, ja fazem 8 meses que estou usando fixador tubular no femur e tibia direita,e a uns 2 meses atras comecei notar que esta saindo estrias nas minhas costas apenas do lado da perna boa, sera isso por ficar muito tempo em uma perna só? ass:GILSON

    ResponderExcluir
  149. OLÁ Gilson,
    Não creio haver qualquer relação.

    ResponderExcluir
  150. Olá Manuela, sofri um acidente automobilístico, e tive uma fratura de fêmur diafisária cominutiva, fui submetido a uma cirurgia no dia 08 de novembro para introdução de haste intramedular. De acordo com a minha última radiografia realizada no dia 13 de Dezembro, o processo de calcificação já se iniciou, e apesar de ter ainda um enrijecimento na articulação do joelho estou conseguindo dobrar 110° graças a muita fisioterapia, e ando de moletas sem apoiar a perna operada, mas quando eu ando de muletas, o meu pé incha e fica vermelho. Isso é normal?

    ResponderExcluir
  151. Olá Manuela, meu nome é Rodrigo e sofri um acidente automobilístico, e tive uma fratura de fêmur diafisária cominutiva, fui submetido a uma cirurgia no dia 08 de novembro para introdução de haste intramedular. De acordo com a minha última radiografia realizada no dia 13 de Dezembro, o processo de calcificação já se iniciou, e apesar de ter ainda um enrijecimento na articulação do joelho estou conseguindo dobrar 110° graças a muita fisioterapia, e ando de moletas sem apoiar a perna operada, mas quando eu ando de muletas, o meu pé incha e fica vermelho. Isso é normal?

    ResponderExcluir
  152. Sou fisioterapeuta tbm, e meu namorado passou pela cirurgia de colocação da haste intramedular após uma fratura cominutiva da diafise do femur há 40 dias. Ele já começou a fisioterapia, mas tenho questionado alguns métodos do fisioterapeuta, como o uso de corrente russa. Procurei nos meus livros e pesquisei na internet, as literaturas são pouco esclarecedoras. Gostaria de saber a sua opinião...
    Um abraço, e feliz 2012!
    Adriana

    ResponderExcluir
  153. Resposta para Anônimo 29/12/2001.
    Que bom que pelo controle radiográfico já está calcificando. E a angulação está muito boa para a fase.
    Os sintomas relatados não são comuns mas podem representar algum sintoma vascular. Sugiro que relate isso ao seu médico.
    Boa sorte!!

    ResponderExcluir
  154. Olá Adriana,
    Na minha opinião, o que reabilita esse tipo de fratura são os exercícios ATIVOS, os alongamentos e o treino funcional.

    ResponderExcluir
  155. Manuela, eu conversei com minha fisioterapeuta sobre esse problema relacionado a meu pé ficar vermelho quando ando de muletas. Ela falou que isso acontece por que não estou apoiando o pé no chão ainda, e consequentemente não está havendo retorno de sangue. Ela passou exercícios de panturrilha. O que vc acha?

    ResponderExcluir
  156. olá,maunuela gostaria de saber o tempo minimo para comessar a andar sem muletas,tive uma fratura no femur e estou usando placa no femur colocada por cirurgia mas tenho duvidas de quando poderei comessar a andar sem nenhum apoio...
    conhesso um amigo enfermeiro, e ele me disse que de 2 a 3 meses posso voltar a andar pois o osso deve ter se calcificado completamente,esse prazo está certo,está muito demorado,ou muito rápido?
    obs:tenho 23 anos e sei que a calcificação varia conforme a idade, obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Denis, em minha opinião, o tempo mínimo é de 3 meses, pois eu tb operei o femur em novembro, mas coloquei uma Haste intramedular com 2 parafusos e o médico me deu 3 meses para começar a colocar o pé no chão com o apoio de 2 muletas, visto que, o processo de reabilitação com a haste é mais rápido. OBS: Tome cuidado, pois essa placa tem uma facilidade maior de quebrar que a haste, portanto,te aconselharia a não forçar, e procurar seu médico e pedir mais orientações. Abraços.

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    3. Oi Denis,
      A descarga total de peso depende do resultado do RX (calcificação). Ninguém pode afirmar exatamente com quanto tempo a pessoa pode voltar a andar.
      Quando se usa placas ao invés de haste intramedular, os médicos demoram um pouco mais a liberar para pisar.
      O processo de calcificação varia muito conforme a idade, sexo, alimentação, atividade física...
      Minha orientação é: Só pise quando liberado e comece com 10% do peso corporal. Em seguida vc pode ir aumetando conforme vá sentindo segurança. Coméce cm 2 muletas, depois 1, depois sem muletas.
      Vc está fazendo exercícios??
      Boa sorte!!

      Excluir
  157. Olá Rodrigo, não creio que o problema tenha qualque relação com o "pisar no chão". De qualquer forma ela te avaliou e está mais ciente do caso. Quanto aos exercícios na panturrilha isso é ótimo para a a questão circulatória. Geralmente passo desde o primeiro dia de pós-operatório, que inclusive ajudam a prevenir eventos tromboembólicos.

    ResponderExcluir
  158. Olá, querida. Estou seguindo seu blog, pois achei-o útil por demais, ainda mais agora, que estou em plena recuperação de um fratura no fêmur(diáfase).
    Sofri um acidente de carro e fui operada dia 29/12/11. O procedimento foi a colocação de haste intramedular.Tive alta hospitalar dia 31/12, e tenho passado bem,na medida do possível.
    O médico me avaliou 12 dias depois e disse que eu poderia começar a dobrar o joelho, porém muito de vagar, pois tenho 98kg, e minha perna é muito pesada.
    Eu tenho tentado evoluir a cada dia. Sento na beirada da cama e coloco a perna pra baixo, apoiada em um banquinho. Sem o banquinho não consigo...parece q vai rasgar os meus músculos. Dói (suportável)bem no local onde tem um corte e , provavelmente, um parafuso.
    Será que estou fazendo tudo certo? Tem gente que acha que estou sendo medrosa e já poderia estar tentando sentar na cadeira de rodas, mas eu acho cedo, pois hoje completo 18 dias de operada e só retirei metade dos pontos(foi alternado). Que mais eu poderia fazer? Que outro exercício???
    Obrigada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá apartesalanymota,
      Agradeço o elogio.
      Cada pessoa responde de uma maneira. Com 18 dias você realmente já pode fazer muitas outras coisas (sentar na cama, cadeira, tentar dobrar o joelho, elevar a perna com o joelho esticado(devagar), contrair e relaxar a musculatura do joelho...
      Esta dor no joelho é aceitável e muito comum.
      Não sei o protocolo do seu médico, mas acho importante fortalecer o quadríceps desde o primeiro dia pós-operatório. Vc foi orientada por algum fisioterapeuta??
      Vc vai usar cadeira de rodas?? Não precisa!! Sugiro andador ou muletas.

      Excluir
    2. Obrigada pela resposta Manuela! Tenho revisão dia 01/02, então vou conversar com o médico e tirar todas as dúvidas, inclusive se primeiro devo fazer uso da cadeira de rodas.
      Meu médico não passou nenhum exercício de fortalecimento ainda, somente tentar dobrar o joelho.
      Estou pensando em fazer uso de cadeira higiênica, pois banho no leito é terrível..rrsrss...acho que vou alugar uma, antes de ir à revisão. Tomara que ele não brigue comigo!

      Excluir
  159. Olá Manuela, meu nome é Ricardo Pessoa e sofri um acidente de moto no dia 10/12/11 e minha cirurgia foi realizada no dia 24/12/11 ou seja, fará 1 (um) mês no dia de amanhã. Durante uma visita ao ortopedista para revisão da cirurgia e retirada dos pontos no último dia 13, o médico elogiou minha recuperação e falou que a fixação da placa estava perfeita, mas não liberou minha fisioterapia com um especialista, mas me incentivou a fazer alguns exercícios em casa, sozinho, porém sem grandes esforços, que eu abandonasse a cadeira de rodas e usasse as muletas e de maneira alguma pôr o pé no chão para apoiar meu corpo. Obedeci as recomendações em partes, pois até que o médico me libere para fisioterapia com um profissional na área terei que esperar até o dia 24 de fevereiro, data da minha próxima visita de avaliação com meu médico. O fato é que fiquei preocupado com o intervalo de tempo e de que isso acarretassem transtornos e uma má recuperação quanto a minha mobilidade e movimento, pois meu joelho não tem uma boa evolução quando tento atingir um grau maior de deslocamento. A partir de então baixei uns artigos sobre o assunto e também exercícios para progredir a recuperação, o ponto "xis" da questão, não sei se fiz bem a escolha pois percebir umas dores (suportáveis) na minha coxa e no meu joelho, foram exercícios simples para fortalecer quadriceps, tornozelo, glúteos, joelho e pé e também aumentar os movimentos de amplitude das articulações da perna operada. Além disso, solicitei a fisioterapeuta do PSF próximo a minha casa. Enfim Manuela, será que fiz mal em não cumprir as exigências do médico ortopedista?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ricardo,
      Eu sempre oriento meus pacientes a cumprir as orientações médicas, apesar de achar que exercícios são fundamentais para uma recuperação mais rápida. Mostre os exercícios a sua fisioterapauta e peça orientação.
      OBS: a dor deve ser pelo início de atividade após um período de repouso, o que é bem esperado.

      Excluir
  160. Bom dia Manuela, gostaria de tirar mais umas dúvidas contigo, ja citei em outro depoimento que tive uma fratura diafisária cominutiva no fêmur, e fui operado em Novembro para colocação de uma haste intramedular. Eu estive conversando com um amigo que é enfermeiro e ele me informou que esta haste um dia terá que ser retirada, pois o meu organismo começará a rejeitá-la. Essa informação procede? E aproveitando o link, eu estive analisando minha radiografia,e pude perceber que consta alguns fragmentos ósseos um pouco longe da haste e do femur, isso é normal?
    Aguardo Retorno

    ResponderExcluir
  161. Olá Rodrigo,
    Não existe isso de rejeição.
    A retirada da haste deve ser decidida por vc e seu médico. Não é imprescindível a retirada.
    Opta-se por retirá-la para prevenir complicações caso haja uma nova fratura futuramente. Mas não há consenso!!
    Esses fragmentos são sim normais numa fratura cominutiva.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Manuela
      A minha dúvida é a seguinte, é se esses fragmentos ósseos vão se juntar(aproximar-se) a haste e formar um calo ósseo. É isso?

      Excluir
  162. olá Manuela
    Meu nome e Tadeu á 9 meses uso o ilizarov na perna toda mais o lugar afetado e o femur e o joelho percebi que minha perna esta enxando muito e doi muito o que eu faço para que ela desinxe.
    obg espero resposta.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não há muito o que fazer, o que vc pode tentar é, quando deitado, tentar elevar a perna utilizando uma almofada alta. Vc tb pode fazer movimentos com o tornozelo para facilitar essa drenagem.

      Excluir
  163. olá apartesalanymota

    Não há motivo para vc tomar banho no leito. Banho no chuveiro!! Nos 2 ou 3 primeiros dias, ainda no hospital, opta-se pelo banho na cadeira higiênica mas somente neste período. Bnaho no leito somente para idosos debilitados ou quando há outras lesões que impossibilitem o banho no chuveiro.
    Eu não vejo necessidade de cadeira de rodas. Vc precisa se movimentar (muleta ou andador)!! Pisar só com liberação do médico e com controde do RX, mas quanto mais movimento, melhor!!
    Boa sorte!!

    ResponderExcluir
  164. Obrigada mais uma vez pelas dicas valiosas!!!
    O meu maior medo em ficar de pé, é não aguentar a dor do peso da outra perna...como te falei, sou gorda..rsrsrs...98kg! Ufa!
    Hoje sentei na cadeira de rodas pela 1º vez, e achei tranquilo!
    Vou ter de tomar uma injeção de coragem para ficar de pé....

    ResponderExcluir
  165. Manuela
    A minha dúvida é a seguinte, é se esses fragmentos ósseos que estão espalhados vão se juntar(aproximar-se) a haste e formar um calo ósseo. É isso?

    ResponderExcluir
  166. apartesalanymota
    É tudo questão de tempo. Quando vc fizer a peimeira vez, vai ver que não é complicado. Vã vencendi uma barreira de cada ve.
    Boa sorte!

    ResponderExcluir
  167. Olá Rodrigo,
    Vai havendo depisição de material ósseo entre ensses fragmentos.

    ResponderExcluir
  168. Bom dia, Manuela.
    Entrei pela primeira vez em blog e gostei muito. Estou cursando fisioterapia e suas respostas deram uma considerável contribuição para mim. Além de completar a certeza da minha escolha pela fisioterapia. Grande abraço e que Deus esteja sempre te iluminando para ajudar a tanta gente dessa forma.

    ResponderExcluir
  169. Olá Anderson,
    Muito obrigada por suas palavras.
    Siga firme na nesta linda profissão!!

    ResponderExcluir
  170. Bom dia Manuela, gostaria que me esclarecesse uma dúvida, fui ao meu médico para fazer revisão de minha cirurgia no femur (Haste), e o mesmo me liberou para começar a colocar o pé no chão e a pisar com o auxílio de 2 muletas,e dentro de casa, com o auxílio de 1 muleta apenas. Mas quando começo a pisar sinto algumas dores, e a perna fica dolorida. Essas dores são normais? elas vão persistirem? Ou apenas somente nessa fase?

    ResponderExcluir
  171. Olá Ricardo,
    No início você pode sim sentir um desconforto. Isso se deve, em parte, à inatividade. Isso tende a melhorar a cada dia.
    OBS: Seja comedido! Comece a pisar com descarga parcial e vá aumentando aos poucos.
    Boa sorte!!

    ResponderExcluir
  172. Ola Manuela!

    Sou o Denilson (31-10, acidente em 17-10). Estou retornando aqui para atualiza-la qto a minha reabilitacao e saber se o calvario eh esse mesmo.
    30 a 40 dias pos cirurgia, o medico foi fazendo minha descarga 15% e retirando miinhas muletas aos poucos. Em 45 dias tirou uma e em 60 dias a segunda. Como meu pe estava com uma ferida grande, nao pude iniciar a fisioterapia em clinica imediatamente. Fiz quase 02 meses de fisio em casa mesmo. Hoje ja foram 16 sessoes diarias de fisio, onde ja estou usando caneleira de 2Kg, e treino de Marcha alem dos triviais elevacao, lateral, etc. Minha situacao eh a seguinte: Dor. Qdo estou em repouso, nao ha dor, porem, quando ando, sinto dor na perna, e estou mancando. Eh assim mesmo? Existe algo que eu possa fazer para amenizar a dor, ganhar a musculatura novamente e acelerar o processo? Crioterapia (gelo e quente?) Hidroterapia? Nao posso aplicar nada na perna para estimular a musculatura (aqueles aparelhos tipo ABTronic (de abdominal)? Ja sao quatro meses (04) e eu esperava estar melhor. Convivendo diariamente em clinica de Fisioterapia a gente ve muito sofrimento e absorve isso, sem duvida.
    Uma ultima duvida: quando realizo flexao do joelho, escuto barulho como se tivesse areia dentro dele. E descendo escada nao sinto forca nele tambem. Normal? Queria lhe enviar meus raios X atuais para voce dar sua opniao sobre a consolidacao do osso. Da pra tirar foto dele? Obriigado, Denilson.

    ResponderExcluir
  173. Olá Denilson,
    Que bom ter esse retorno!
    Cada paciente se comporta de uma maneira, no entanto, pelo tempo não esperava que vc ainda sentisse dor.
    Além dos exercícios de fortalecimento que vc já vem realizando, não vejo outra forma de você ganhar mais força ou acelerar o precesso O segredo é MOVIMENTO!. Siga em frente!! Aumente o peso gradativamente. Não fique mais de 15 dias com o mesmo peso; a menos que sinta muita dificuldade.
    Assim que a musculatura estiver mais forte vc não mancará mais.
    OBS: Sugira a sua fisioterapeuta para realizar exercícios em cadeia cinética fechada e fortalecimento de glúteos!
    Quanto às últimas dúvidas isso tudo é aceitável e normal.
    Me manda mesmo o RX (manuelabelo@yahoo.com.br).
    Boa sorte!!

    ResponderExcluir
  174. ola Dra...
    Tenho um apaciente que esta com fascite plantar..Me ajuda na conduta to c duvida>>em cinesioterapia, US, TENS os paramentros e em relação ao gelo e quente???dar p ajudar...

    ResponderExcluir
  175. ola Dra...sou fátima
    Tenho um apaciente que esta com fascite plantar..Me ajuda na conduta to c duvida>>em cinesioterapia, US, TENS os paramentros e em relação ao gelo e quente???dar p ajudar...

    ResponderExcluir
  176. OLÁ DRA.
    MEu NOME éFELIPE..
    Recebi uma paciente hj de 39 a, que a masi ou menos 2 anos foi submetica a uma cirurgoa de Hernia d edisco na L5 e S1, depois da cirurgia ela ficou sentndo muita dor e nem consegui realizar fisioterapia por causa da dor, com o passar dos tempo as dores aumentaram sempre irradiada para perna Esquerda, fez outra ressonancia e estava novamente a hernia la, depois d euma ano da primentira cirurgia ai fez novamente outra, que ta fazendo uns seis meses agora, mas continua asentir fortes dores no msm local irradiada para aperna, voltou ao medico ele encoaminhou para a fisio e pediu um ressonancia e falou que tem que operar denovo se ela nao tiver conseguido fazer a fisio pois tem hernai novamente...Qnd chegou a clinic ahj nao podia nem andar, ate p deitar era complicada. toma remedio anti depressivo e remedio p dormir mas msm assim ela disse que n ta conseguindo dormir por caus a das dores, qnd fui tentar avaliar ao tocar o dedo na lombar ela ja griava de dor e tb nao podia nem tocar no dedo do pé que ela disse que doia toda perna era como se fosse o choque, o que eu fiz foi colocar o TENS c intensidade baixa masi assim msm ela disse que se fosse mais alto um pouco o proprio TENS ocasionava dor, e dpeosi ela nao sentia alivio nenhum...Fiquei super preocupada no que fazer, eu faço a fisioterapia nela ou mando ela voltar p o medico. Eo que fazer nela exercicio , manobras se bem que ela nao faz nada e qnt a TENS, Ondas curtas, Ultra son, o que usar e quais os paramentros no caso dela?? me ajuda...obg

    ResponderExcluir
  177. Olá,
    Eu não faria nada! Essa paciente precisa é ter o disgnóstico correto, repouso relativo e uma analgesia (medicamentosa)correta.

    ResponderExcluir
  178. Olá Fátima,
    Avalie seu paciente: veja o calçado, a profissão, os hábitos de vida. Analise a marcha e oriente. Veja a necessidade de uma órtese.
    Eu faria calor local superficial ou US contínuo+ alongamento da fáscia.
    Exercícios de alongamento da fásciacom bolinha no chão e com elástico.
    Não faria TENS.

    ResponderExcluir
  179. a órtese seria uma paumilha ou calcanheira siliconizada??pq não o TENS?? e o US continuo não vai estimulat amsi ainda o crescimento osse aumentado a Fascite pelantar??

    ResponderExcluir
  180. MAs o diagnóstico foi de pós operatorio de Hernia de disco e o surgimento de outra Hernia.e ai??

    ResponderExcluir
  181. Olá Fátima,
    Pode ser palmilha ou a calcanheira. Veja a que o paciente mais se adapta.
    O TENS alivia a dor sem tratar a causa. Não vejo razão para utilizá-lo neste caso. E o US não provoca o crescimento ósseo.
    Para mim o tratamento consiste em tirar a sobrecarga e ALONGAR A FÁSCIA!!

    ResponderExcluir
  182. Felipe,
    Há algo de estranho neste caso. Como pode, após a cirurgia ainda haver a hérnia??
    Eu não faria nada! Encaminharia ao médico para ver exatamente o que é. E se realmente for a hérnia, ela tem que sair da dessa fase para conseguir fazer algo.

    ResponderExcluir
  183. então mando ela pra casa e não coloco nem o TENS, e se para de doer e que ela volta pra a fisioterapia???

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se vc quiser colocar o TENS só para o alívio (momentâneo) da dor pode ser; mas sabendo que não estarás tratando a causa. Mas pode colocar e indicar a melhor postura ( se for hérnia!!) e em seguida tratar.
      Veja se realmente é a hérnia!!

      Excluir
  184. OLá MAnuela meu nome é Ana Cláudia..

    sofri um acidente de moto e tive uma fratura de Fêmur fechada, coloquei uma haste, deixei as muletas com 3 meses, a partir do qaurto mês começei normal as minhas atividades,mancando um pouco, minha perna ainda ta meia dura e as vezes da uma falhada. a partir do 4 mês comecei normal minhas atividades, fazer exercicios usar salto alto, dançar, Hoje já fazem 6 meses, fui ao médico ele falou que um lado esta calcificado, mas o outro ainda não está, e que vai esperar mais um pouco se não colar o osso, terei que fazer outra cirurgia, tirando esta haste e colocando outra, á 3 dias estou sentindo fortes dores na região , na qual não consigo pisar , é uma dor q vai e vemm, nunca senti essa dor antes, começou agora com 6 meses, mesmo eu tomando remédio eu sinto uma dorzinha la no fundooo, será q essa dor é devido ao osso q não esta colado ? ou devido ao salto ? eu posso continuar usando salto??é normal sentir essa dor ?? qual o tempo paara a calcificação, me ajuda BJusss ANAAAA

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você ainda tome remédio desde a cirurgia??
      Não entendi quando vc falou "de um lado está calcificado e o outro não". Você teve fratura em ambas as pernas?
      Com esse tempo, normalmente já se espera que o osso esteja consolidado, não 100%, mas bem avançado e possibilitando a volta às atividades normais. Se isso não ocorreu, vc pode ter desenvolvido pseudoartrose e que possivelmente será solucionada com uma nova cirurgia.
      O salto alto pode causar uma dorzinha por conta da fraqueza muscular. Na minha opinião, o perigo maior do salto é o mesmo provocar uma queda, já que a força muscular não está normal.

      Excluir